O Banheiro

Deixe um comentário

Descobri por acaso. Fui escovar os dentes e havia uma mulher vendendo roupas no banheiro, e o barulho das clientes conversando alto me assustou um pouco. Descobri que não era só uma vendedora, e não vendiam só roupa, mas lingerie e pijamas também. Descobri que elas, as vendedoras, aparecem quase toda semana.

Comecei comprando um sutiã. Depois calcinhas, conjuntos de calcinha e sutiã, camisas, pijamas, blusas, biquini, e até barra de calça mandei fazer.

Hoje experimentei um vestido que ficou tão perfeito que, se eu não comprasse, as outras mulheres iam me bater. E ainda pedi um outro vestido de uma outra cor para o reveillon.

Este banheiro é um perigo!

One and only

Deixe um comentário

Adele

You’ve been on my mind,
I grow fonder every day,
Lose myself in time,
Just thinking of your face,
God only knows why it’s taken me so long to let my doubts go,
You’re the only one that I want,

I don’t know why I’m scared,
I’ve been here before,
Every feeling, every word,
I’ve imagined it all,
You’ll never know if you never try,
To forgive your past and simply be mine,

I dare you to let me be your, your one and only,
Promise I’m worth it,
To hold in your arms,
So come on and give me a chance,
To prove I am the one who can walk that mile,
Until the end starts,

If I’ve been on your mind,
You hang on every word I say,
Lose yourself in time,
At the mention of my name,
Will I ever know how it feels to hold you close,
And have you tell me whichever road I choose, you’ll go?

I don’t know why I’m scared,
‘Cause I’ve been here before,
Every feeling, every word,
I’ve imagined it all,
You’ll never know if you never try,
To forgive your past and simply be mine

I dare you to let me be your, your one and only,
I promise I’m worth it, mmm,
To hold in your arms,
So come on and give me a chance,
To prove I am the one who can walk that mile,
Until the end starts,

I know it ain’t easy giving up your heart,
I know it ain’t easy giving up your heart,
Nobody’s pefect,
(I know it ain’t easy giving up your heart),
Trust me I’ve learned it,
Nobody’s pefect,
(I know it ain’t easy giving up your heart),
Trust me I’ve learned it,
Nobody’s pefect,
(I know it ain’t easy giving up your heart),
Trust me I’ve learned it,
Nobody’s pefect,
(I know it ain’t easy giving up your heart),
Trust me I’ve learned it,

So I dare you to let me be your, your one and only,
I promise I’m worth it,
To hold in your arms,
So come on and give me a chance,
To prove I am the one who can walk that mile,
Until the end starts,

Come on and give me a chance,
To prove I am the one who can walk that mile,
Until the end starts.

O Teste das Cores

1 Comentário

Como você opera, age, frente aos seus objetivos e desejos:
Quer causar impressão favorável e ser considerado personalidade importante. Por isso, esta constantemente alerta para ver se esta obtendo êxito nisso, e como os outros estão reagindo a ele; isto o faz sentir que esta na direção. Usa táticas inteligentemente para obter influência e reconhecimento especial. E Suscetível ao que e estético ou original.

Suas preferências reais:
Trabalha bem em cooperação com outros, mas é avesso a assumir o papel principal. Precisa de uma vida pessoal de compreensão mútua, e de estar livre de discórdia.
Necessita de paz e tranqüilidade. Deseja um cônjuge amante e fiel, do qual possa exigir consideração especial e afeto incondicional. Se essas exigências não são satisfeitas, é capaz de se afastar e isolar-se de todo.

Sua situação real:
Sente-se preso numa situação angustiante e incômoda e procura o meio de conseguir alívio. É capaz de sentir satisfação através da atividade sexual.
As circunstâncias obrigam-no a transigir e a abrir mão de alguns prazeres, por ora. É capaz de sentir satisfação física na atividade sexual.

O que você quer evitar:
Interpretação fisiológica: As tensões resultantes de desapontamento têm levado a agitação. Interpretação psicológica: As expectativas irrealizadas têm levado a incerteza e a uma vigilância apreensiva. Tem grande necessidade de sentir-se seguro e protegido contra outros desapontamentos, contra ser preterido ou perder prestígio e posição. Duvida de que as coisas melhorem no futuro; não o bastante, está inclinado a fazer exigências exageradas e a rejeitar acordos. Em suma: Insegurança opressiva.

Seu problema real:
O desapontamento e o medo de que não vale a pena formular novas metas têm levado à ansiedade. Deseja acatamento e posição mas preocupa-se com sua perspectivas. Reage à situação protestando a qualquer crítica e resistindo a qualquer tentativa para influenciá-lo. Tenta afirmar-se mediante meticuloso controle dos detalhes, num esforço para fortalecer sua posição.

Faça o teste!

Sobre a louca do condomínio

4 Comentários

Quem acompanha este blog sabe que mora uma louca no mesmo prédio que eu. Pra quem não acompanha/não sabe, é só ler esse post. Dados os acontecimentos do post citado, a solução óbvia seria provar que ela é louca, judicialmente, sei lá, e com isso obrigar a família a não deixá-la sozinha. Sim, a louca mora sozinha /o\

Daí que segunda-feira teve assembléia geral do condomínio pra eleger um novo síndico e discutir reformas etc, e acabaram perguntando sobre a louca. Então a administradora do prédio contou que não tem como provar que a louca é louca, porque na frente de um médico ela é completamente normal, e a família parece não se importar muito com a mulher. E ela é má. No episódio do gás, ela queria ferir os outros moradores, já que saiu do prédio e largou o gás vazando.

Estou com muito medo dessa mulher, tanto que agora estou chamando-a de Melkor e, enquanto os Valar (família dela) não interferirem, não haverá paz em Beleriand.